Dia histórico: as narrativas e máscaras que caíram por terra em 26 de Maio (Veja o Vídeo)

Para o desespero de quem acredita em narrativas infantis e mentirosas como a do "bolsominion arrependido" ou dos "robôs de Bolsonaro", o povo foi às ruas reforçar seu voto de confiança no presidente e contra tudo que a mídia prega; contra os corruptos do Centrão que querem se livrar da Lava Jato; contra quem luta para impedir o sucesso de um governo democraticamente eleito.

Foi um balde de água fria para quem achava que não ia dar em nada por causa da ausência de MBL e Vem Pra Rua, movimentos até então considerados importantes. Mas eles não só não fizeram falta, como levantaram suspeita sobre até que ponto foram protagonistas nos movimentos populares dos últimos anos ou só fizeram um bom marketing em cima da onda conservadora.

Importante notar que muitos liberais e isentões tentaram esvaziar as manifestações, mesmo sabendo que se elas fossem fracas o Senado sacaria da gaveta a PEC do Recall de mandato para tentar derrubar o presidente. São as máscaras caindo mais cedo do que imaginávamos.

No fim das contas, acabou sendo ótima essa atitude de alguns liberais e isentões da direita. Pois com os conservadores isolados, o povo finalmente começa a se tornar mais consciente de que ele mesmo é tal conservador "extremista" que a mídia tanto odeia e pinta como se fosse um nazista.

Quem foi às ruas viu uma manifestação grande, pacífica, limpa, de gente que quer coisas simples como um país com menos crime e uma economia melhor. Tudo isso sem mortadela, sem bandeiras de partidos, sem comando central, sem idolatrar políticos. Bem diferente da turminha que toca fogo em ônibus e pede o fim da PM.

É difícil para esquerdistas entenderem, mas Bolsonaro tem apoio não porque o povo o vê como salvador da pátria. Ele tem apoio porque defende o que o cidadão comum considera mais importante: Deus, Pátria e Família. Quem idolatra político é quem pede Lula Livre depois do mensalão e do petrolão.

Por essas e outras, o cidadão comum, que compõe a maior parte da população, é tudo que a mídia mais odeia, só porque ele discorda de pautas radicais aborto, liberação de drogas, tratar bandido como vítima, impedir direito de defesa, e emprestar dinheiro a ditadores de outros países.

Contra tudo e contra todos, até mesmo contra setores oportunistas e recalcados da direita, o povo mostrou que não se submete mais à mídia, nem depende de oportunistas marketeiros.

Aproveito para deixar aqui os meus parabéns ao Movimento Avança Brasil, ao Direita SP, e a todos os youtubers conservadores que não amarelaram para a missão e foram parte essencial do sucesso da manifestação.

Ps.: verifiquem as redes sociais dos seus deputados. Vejam se eles se comprometeram com o ato desde o início das convocações ou só embarcaram depois para não perderem o bonde. Olho aberto, meus amigos. Muitas máscaras ainda vão cair.

Veja o vídeo:

Herbert Passos Neto

Jornalista. Analista e ativista político.

Comentários