Lula sugeriu moeda única, foi tratado como “gênio”, mas não teve peito de implementar

O presidente Jair Messias Bolsonaro e o ministro Paulo Guedes anunciaram, nesta sexta-feira (07), o primeiro passo junto à Argentina e ao presidente Mauricio Macri para a criação de uma moeda única para o Mercosul: o Peso Real.

Os "especialistas" trataram de xingar Bolsonaro com todas as palavras de baixo calão conhecidas.

Entretanto, vale lembrar (para aqueles que sofrem de amnésia seletiva) que o então presidente Luiz Inácio da Silva, vulgo "Lula", foi chamado de "gênio" e "líder regional" ao propor a unificação das moedas.

Veja a notícia, publicada na Folha de S.Paulo em 27 de maio de 2008 [Confira: https://bit.ly/2WoWmRB].

Só pra você não fingir esquecimento, "talquei"?!

Segue o baile...

Helder Caldeira

Escritor, Colunista Político, Palestrante e Conferencista
*Autor dos livros “Águas Turvas” e “A 1ª Presidenta”, entre outras obras.

Comentários