Alcolumbre, enquanto ofende Moro, faz vistas grossas para os crimes de inúmeros colegas e não se olha no espelho

Davi Alcolumbre disse que, se fosse parlamentar, Moro já estaria "cassado ou preso".

O Congresso tem parlamentares que respondem processo por lesão corporal, peculato, corrupção passiva, formação de quadrilha, falsificação de documento público, falsidade ideológica, furto, tortura e até homicídio.

Não só não estão "cassados ou presos", como estão fazendo leis que nós aqui, se não obedecermos, cominam pena de prisão, perdimento dos nossos bens, e outras.

E, no entanto, isso tudo é menos grave, para o presidente do Senado Federal, que juiz e promotor conversarem por aplicativo de mensagens.

Pior, o sujeito pode falar um troço desses, virar manchete e se safar sem um mísero questionamento na grande imprensa.

Isso aqui é a Terra do Nunca.

Nota da Redação: O próprio David Alcolumbre é alvo de duas investigações no Supremo Tribunal Federal (STF), por suposta emissão de notas fiscais falsas.

Comentários