Enquanto critica Bolsonaro, Angela Merkel tem encontro amistoso com ditador árabe

A chanceler alemã Angela Merkel aproveitou os holofotes do G20 para se declarar "muito preocupada" com a "situação dramática do Brasil" sob o comando do presidente Jair Messias Bolsonaro.

Em seguida, Merkel foi às sombras ter amistoso encontro com Mohammad bin Salman, príncipe-herdeiro da Arábia Saudita, um ditatorzinho bilionário e mimado que manda matar e cortar em pedacinhos jornalistas que o contrariam.

Mas, sua verdadeira preocupação é com o Povo Brasileiro e a Floresta Amazônica. Sei... Tenha santa paciência..

Helder Caldeira

Escritor, Colunista Político, Palestrante e Conferencista
*Autor dos livros “Águas Turvas” e “A 1ª Presidenta”, entre outras obras.

Comentários