TCE

Dia histórico: Bolsonaro e Macri fecham parceria com a União Européia, após 20 anos de fracasso nas negociações

Nesta sexta-feira (28), o presidente Jair Bolsonaro, em viagem ao Japão onde participa da cúpula do G20, anunciou o Acordo Mercosul-UE, o qual vinha sendo negociado sem sucesso desde 1999 e agora, sob seu governo, foi concretizado.

O presidente brasileiro definiu a parceria como "um dos acordos comerciais mais importantes de todos os tempos e trará benefícios enormes para nossa economia".

Segundo o Ministério da Economia, o acordo para a área de livre comércio entre os países do Mercosul e da União Europeia representará um aumento do PIB brasileiro de US$ 87,5 bilhões em 15 anos, podendo chegar a US$ 125 bilhões se consideradas a "redução das barreiras não-tarifárias e o incremento esperado na produtividade total dos dos fatores de produção".

O Governo Federal enfatiza os benefícios aos produtores brasileiros:

"Os exportadores brasileiros obterão ampliação do acesso, por meio de quotas, para carnes, açúcar e etanol, entre outros. As empresas brasileiras serão beneficiadas com a eliminação de tarifas na exportação de 100% dos produtos industriais. Serão, desta forma, equalizadas as condições de concorrência com outros parceiros que já possuem acordos de livre comércio com a UE".

Realmente, uma grande notícia. Mais um ponto positivo ao novo governo eleito, que contou com a parceria do presidente da Argentina Maurício Macri.

da Redação

Comentários