Moro desdenha do gangster americano e pede que publique "algo sério e autêntico"

O ministro da Justiça Sérgio Moro acaba reagir a nova ‘bomba’ divulgada pelo pseudo jornalista Glenn Greenwald, utilizando para tanto a sua decrépita marionete, Reinaldo Azevedo.

O decadente jornalista através de seu programa na Rádio Band News FM revelou uma nova conversa entre o procurador Deltan Dallagnol e o ex-juiz Sérgio Moro.

Deltan pedia a liberação de R$ 38 mil para a produção de um vídeo contra a corrupção.

O dinheiro acabou não sendo liberado. Os motivos para a não liberação não são esclarecidos. A história é cortada por Azevedo, não permitindo ao público ver o desfecho do caso.

De qualquer forma, mais uma vez nada de ilegal foi demonstrado. Muito pelo contrário, fica latente o espírito patriótico dos integrantes da Lava Jato.

Moro reagiu nesta terça-feira (16), publicando o seguinte em seu Twitter:

“Sou grande defensor da liberdade de imprensa, mas essa campanha contra a LavaJato e a favor da corrupção está beirando o ridículo. Continuem, mas convém um pouco de reflexão para não se desmoralizarem. Se houver algo sério e autêntico, publiquem por gentileza.”
da Redação

Comentários