O terror nas Olimpíadas

A declaração da presidente Dilma Roussef de que o Brasil não tem de se preocupar com o terrorismo na Olimpíada do Rio é extremamente preocupante e demonstra que falta-lhe bom senso ou está mentindo.
A preocupação com o terror nas Olimpíadas é eminente, independente do país que está sediando o evento. Aliás, esse tipo de declaração da presidente - 'Estamos longe' disse ela referindo-se ao terrorismo - pode vir a ter o condão de despertar ainda mais a sanha dos grupos extremistas.
A Olimpíada é um evento internacional de máxima exposição, de alvos vulneráveis e grande apelo político, envolvendo todas as nações do mundo. Assim, mesmo o Brasil não tendo histórico de terror, não é concebível que faltando menos de um ano para o evento não tenhamos uma legislação específica sobre o assunto (culpa de nossos 'diligentes' deputados e senadores) e cerca da metade da verba da Defesa para os Jogos em 2014-15 ainda a gastar.
É correr um risco desnecessário e brincar com a sorte...

                                         https://www.facebook.com/jornaldacidadeonline
Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal da Cidade Online. 

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Variedades