Em nova "pedalada intelectual", Dilma chama chapa de Kirchner de "luz no fim do túnel"

Apesar do mercado argentino reagir negativamente às primárias presidenciais no fim de semana que colocaram a chapa Alberto Fernández-Cristina Kirchner em vantagem na corrida presidencial do país, a ex-presidente brasileira impichada, Dilma Rousseff, declarou que a chapa é "luz no fim do túnel" para o povo argentino.

Dilma, que se diz economista, se nega a enxergar a realidade de forte queda na moeda argentina em - 30% frente ao dólar, um dia após o anúncio das primárias. O peso argentino não sofria tamanha desvalorização desde 2015, e a segunda maior desde 2002.

Em sua conta no Twitter, Dilma também declarou nesta segunda-feira (12), que o resultado das primárias também é favorável "para a América Latina e um enorme alento para todos que lutamos pela democracia".

Pura balela.

da Redação

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários