Dois ex-presidiários e ex-inimigos políticos preparam “dobradinha” para 2022 e estão bem cotados nas pesquisas

É inacreditável, mas eles juram inocência e, pasmem, brincam com a condição de ex-presidiários.

O ex-governador de Mato Grosso do Sul André Puccinelli e o ex-senador Delcídio do Amaral, tradicionais adversários políticos, planejam uma ‘dobradinha’ para o pleito eleitoral de 2022.

André, possivelmente, tentaria retornar ao governo do estado, e Delcídio buscaria uma das vagas para o senado.

Eleitoralmente, por incrível que pareça, a dupla é extremamente forte e pode vir a conseguir êxito. É o que apontam algumas pesquisas eleitorais.

“Não vamos ser candidatos a nada em 2020, mas em 2022 ninguém nos segura”, disse Delcídio abraçado a André, em reunião entre os dois na sede do MDB, em Campo Grande.

Delcídio, expulso do PT, é atualmente presidente estadual do PTB.

André, um devasso, faz piada:

“Pode tirar a foto, dois ex-presidiários. Um inocentado e outro vai provar a inocência”, garantiu ao lembrar que “quanto mais a gente fala que sofreu um negócio desses, mais o povo vê o que a gente enfrentou”.

Caso a dupla não seja novamente engaiolada, caberá ao povo decidir.

Fonte: Blog A Onça

da Redação

Comentários