O último insulto de Haddad: burrice ou mau-caratismo? incompetência ou maldade planejada?

Este é o príncipe da esquerda, o único digno o suficiente de representar o "deus Lula", o cara que a esquerda passou 1 ano tentando nos convencer que era de longe a melhor opção.

O cara que foi apoiado por 99% da mídia, pelo meio acadêmico, pelas celebridades, pelas pesquisas, usou dezenas de milhões do dinheiro do povo na campanha e, mesmo assim, perdeu de lavada para Bolsonaro.

Imaginem um ex-ministro da Educação que chama seu adversário de fascista (estado máximo) ao mesmo tempo em que o acusa de querer um estado ausente... Seria burrice ou mau-caratismo? incompetência ou maldade planejada?

De qualquer forma temos que agradecer todos os dias pelo livramento. Bolsonaro não era a melhor opção, era a única. Por isso, enquanto lutar pelo Brasil, deve ter nosso apoio incondicional.

Frederico Rodrigues

Analista Político e Membro da Direita Goiás.

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários