Genro de Emílio Odebrecht encontra brecha para mandar pedido de soltura direto para Gilmar

A decisão que determinou que o ex-ministro Guido Mantega usasse tornozeleira eletrônica foi indevidamente derrubada pelo ministro Gilmar Mendes.

O relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF) é o ministro Edson Fachin, que foi literalmente atropelado.

Gilmar pode tudo. Atravessou o colega e impôs a sua vontade suprema. Guido está sem tornozeleira.

Assim, num malabarismo jurídico sem precedentes, os advogados de Maurício Ferro acabam de pedir liberdade do cliente diretamente para Gilmar Mendes.

A alegação é infame: extensão do benefício concedido a Mantega.

Vale tudo no STF.

da Redação

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários