PT finalmente coerente, com ex-presidiário no comando do partido

Experiência prisional parece que doravante será um traço importante para os novos dirigentes petistas, Brasil afora.

Afinal, o Lula está preso.

Nesse sentido, o novo presidente do PT em Rondonópolis, a maior cidade do interior de Mato Grosso, é um ex-presidiário. Trata-se de Wendell Girotto, com 25 anos de filiação partidária.

O novo presidente teve que ir para a disputa e venceu com facilidade, teve 189 votos contra 48 de seu adversário.

Uma performance avassaladora do ex-presidiário.

Sua prisão ocorreu em 2013, na Operação Sem Teto, que desarticulou um grupo que explorava famílias carentes que ocupavam uma área no assentamento denominado 'Ananias Filho' e faturava cerca de R$ 100 mil por mês só com o pagamento de 'mensalidades' pelos lotes.

Nada mais coerente, em se tratando de PT, ter Girotto como presidente.

Fonte: O Antagonista

da Redação

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários