Vereza questiona: "Quando o STF vai parar de assustar a alma mais honesta do planeta?"

Com ironia, o ator e notável ativista político Carlos Vereza, explica os motivos que fazem com que o meliante Luiz Inácio Lula da Silva prefira o aconchego de seus aposentos em Curitiba, do que as agruras de um regime semiaberto, onde o condenado precisa trabalhar durante o dia.

Lula abomina a ideia de ter que trabalhar e, segundo Vereza, “O ‘ladravaz’ não sabe o que é trabalho há mais de 40 anos”.

Veja abaixo o a integra do texto postado pelo ator nas redes sociais:

“Se o vagabundo ladrão em Curitiba for solto vai ter que trabalhar - seria o horror em vida!
Antes continuar na suíte, com banheiro privativo, esteira ergométrica, televisão com canais de assinatura, celular, mesa para reunião e entrevistas: um comitê subversivo sem gastar um real!
Cada vez que os idiotas gritam Lula Livre, o gatuno treme de pavor! Será que não pegaram o espírito da coisa? Livre pra quê?!
O ladravaz não sabe o que é trabalho há mais de 40 anos!
Cansou de mandar recado para o STF parar com essa mania de querer soltar, de aceitar, semana sim, outra também, as centenas de habeas corpus que o fazem tremer de pavor de ser solto e deixar de ser “preso político!”
Mas quando é que o Gilmar, o Lewandowski, o Marco Aurélio, o Celso, a Carmem e a Rosa vão parar de assustar a alma mais honesta do Planeta?”

Comentários