Senadora Soraya Thronicke abre o verbo: “Somos radicais sim, contra a violência e a corrupção” (Veja o Vídeo)

Não existe extrema direita no Brasil!”

Sem medo de polêmicas e muito à vontade, a senadora Soraya Thronicke (PSL-MS) abriu o verbo em entrevista exclusiva à TV Jornal da Cidade Online. Segundo ela, não houve renovação política no Senado – de 46 senadores, só 9 estão em primeiro mandato, os outros representam aquela política viciada que o povo brasileiro conhece bem.

“Os demais, todos têm carreiras políticas antigas e já chegaram aqui muito à vontade, para articular como sempre articularam. Se a gente não está em cima, as pautas são voltadas para interesse próprio, porque existem interesses pessoais aqui”, criticou a senadora.

Presidente do PSL Mulher Nacional, Soraya abordou também temas como a tão discutida questão de gênero.

“Meu desafio como mulher na política é trazer um discurso feminino, sem ser feminista [ideologia que prega a superioridade do gênero feminino sobre o masculino. É considerado o equivalente ao machismo]. Hoje as mulheres competem com os homens e querem ser mais do que os homens, isso tem sido muito ruim para a sociedade. A família é célula mater, independente se a família é hétero, se é homo, só não pode passar dos limites. Somos conservadores nos costumes e respeitamos todo o tipo de opção sexual. Mais uma vez, o estado não tem nada a ver com quem você dorme”, frisou a senadora.

Veja o vídeo:

TV Jornal da Cidade Online estreia novo quadro

A senadora Soraya Thronicke é a primeira convidada. Em bate-papos curtos, realizados no ambiente de trabalho dos parlamentares, nossa equipe deixa os convidados bem à vontade para revelar ao público o que eles pensam de diversos assuntos, sem máscaras, discursos ensaiados e fora do palanque.

Nossos leitores e espectadores podem tirar suas próprias conclusões ao verem as entrevistas – e refletir se vale ou não votar naquele político na próxima eleição.

da Redação

Comentários