Qual será a narrativa da semana do PT e agregados?

DEMOCRACIA para a esquerda é um presidente ébrio querer expulsar um jornalista americano, apenas porque ele publicou algo público e notório: Que ele é um bêbado, e depois disso ainda defendeu o controle do Estado sobre a imprensa.

DITADURA para a esquerda é um Presidente ser atacado impiedosamente por um jornalista americano, com grampos ilegais, mentiras, montagens e farsas, e o Presidente não ter feito absolutamente nada contra ele, e ainda defender a liberdade de imprensa.

RESPEITO À DIVERSIDADE para a esquerda é o tal presidente bêbado dizer que Pelotas é um polo exportador de viados, chamar a mulher de grelo duro e a nordestina de analfabeta.

HOMOFOBIA E XENOFOBIA para a esquerda é um Presidente propor o aumento de pena contra quem cometer crimes contra homossexuais e mulheres, sejam lá de quais Estados forem.

DEFENSOR DAS MULHERES para a esquerda era o Lula, que fez de Marisa Letícia um mero objeto de decoração, um porta-perucas inútil e sem qualquer protagonismo como primeira dama, fazendo dela, inclusive, o símbolo máximo da mulher submissa e chifruda conformada, como foi no caso com a Rose Noronha. Mas as feministas esquerdopatas devem idolatrar essa coisa de submissão e humilhação pública, não é? Tanto é que idolatram o Lula.

MACHISTA E MISÓGINO é o atual Presidente, que até na sua posse cedeu todo o protagonismo para a sua esposa Michelle, cuja atuação como primeira dama tem revelado nela uma mulher de grande caráter, força, fibra e com relevantes serviços prestados em prol de uma parte da população antes esquecida pelos governantes: Os surdos-mudos.

Em apenas alguns meses todas as narrativas da esquerda foram sendo derrubadas uma a uma, mas a cada semana, em vez dela se recolher à sua profunda insignificância, tenta criar novas narrativas para ver se alguma delas cola, porém o máximo que a esquerda consegue é passar mais vergonha ainda.

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários