De olho em Lula, STF pode optar por decisão que beneficie somente os condenados da Lava Jato

Minha previsão para o julgamento de quinta-feira (17) é: será decidido que o início de cumprimento das penas dos condenados em 2ª Instância APENAS NOS CASOS DA LAVA JATO é que não valerá.

Usarão as “provas” colhidas pelo The Intercept para comprovar que a chance de defesa dos réus foi diminuída, e que por isso eles têm o direito de continuarem recorrendo em liberdade.

Não se tratará propriamente de uma revisão da jurisprudência do STF sobre possibilidade de prisão em 2ª instância, mas apenas a sua análise no caso concreto da Lava Jato.

Os milhares de presos que cumprem pena antes do trânsito em julgado continuarão presos, porque a jurisprudência, para eles, não importa; a prioridade é soltar Lula (e, a reboque, todos os que foram presos com base nas condenações da Lava Jato em Curitiba).

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários