“O PT é uma facção criminosa, deveria ter sido extinto há muito tempo”, diz deputado Carlos Jordy (Veja o Vídeo)

Em postagem recente no Twitter, o presidente Bolsonaro disse que o tráfico de drogas sustenta vários partidos e grupos terroristas que compõem o Foro de São Paulo [Os partidos políticos que compõem o Foro de São Paulo são PT, PDT, PSB, e PCdoB].

Para o deputado Carlos Jordy (PSL-RJ), o PT recebe recursos de outros países há muito tempo:

Está na Constituição e na legislação eleitoral que partidos políticos não devem receber financiamento do exterior. Lula já recebeu para sua campanha recursos do Kadafi e de órgãos e instituições criminosas, como as Farc, o Foro de São Paulo... O PT é uma facção criminosa, já deveria ter sido extinto há muito tempo, mas é muito difícil trabalhar com um STF que está totalmente aparelhado e outros órgãos para que a lei seja aplicada”, destacou o deputado, em entrevista exclusiva à TV Jornal da Cidade Online.

“Surfaram na onda Bolsonaro e agora querem atacar o presidente”, criticou o deputado.

O deputado Carlos Jordy também não poupou críticas aos próprios colegas parlamentares, na recente polêmica envolvendo o PSL. Para ele, fica nítido que muita gente se elegeu na onda Bolsonaro, mas, na verdade, de conservador e patriota, eles não têm nada.

Ainda mais agora que a gente vê essa crise que aconteceu dentro do partido. Quando nós emitimos uma nota a favor do presidente, justamente porque o presidente queria que o partido reafirmasse seu compromisso de transparência, combate à corrupção... muitas pessoas criticaram nossa postura e, mais do que isso, saíram em defesa da cúpula do partido”, revelou o parlamentar.

Veja o vídeo:

da Redação

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários