As aviltantes semelhanças envolvendo os casos do goleiro Bruno e do ex-presidente Lula

Bruno é inocente.

Tudo o que fizeram, contra ele, foi uma jogada para acabar com a carreira de um astro em ascensão; Um dos melhores goleiros que o Brasil já teve.

Foi preso sem provas. Nem o corpo conseguiram achar. Nada garante, sequer, que Elisa Samudio esteja morta.

Sua prisão foi baseada exclusivamente em depoimentos de bandidos, que usaram a delação para aliviar as próprias penas. Não têm nenhuma credibilidade.

#BrunoLivre!

É horrível ler um texto desses. Né? No segundo parágrafo, já queremos xingar o autor. Chega a dar nojo. É inadmissível que alguém tenha a capacidade de se apegar a pormenores, para defender um bandido.

Então...

É EXATAMENTE ISSO que qualquer pessoa com mais de dois neurônios sente, TODA VEZ que vê alguém dizendo que Lula é inocente e pedindo a liberdade de um dos maiores bandidos que esse país já conheceu.

Enquanto Bruno matou a amante, Lula matou milhares de Brasileiros, desviando recursos da saúde, segurança pública, conservação de estradas, entre outros.

Não existe, no mundo, um assassino mais cruel e silencioso do que a corrupção.

"No meio de um povo geralmente corrupto, a liberdade não pode durar muito." (BURKE, Edmund)

Felipe Fiamenghi

O Brasil não é para amadores.

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários