Fazendo História: "Taxa Selic cai pela terceira vez no ano"

O empresario Luciano Hang comemorou mais uma queda na taxa Selic:

Isso sim vale a atenção da grande mídia. Vamos ser positivos!
O ano de 2019 marca a reviravolta do Brasil. Várias mudanças acontecendo para melhor. A economia brasileira está se reerguendo e acelerando.
Prova disso é que hoje a Selic, taxa básica de juros, caiu pela terceira vez no ano e chegou a 5%.
Todas as três reduções bateram recorde histórico. Já em 2015 e 2016, no governo Dilma, a Selic foi a mais alta, de 14,25%.
O Brasil vivia a incerteza, ninguém queria investir aqui.
Agora é diferente, caminhamos com confiança e o resultado é mais investimentos.
Em dezembro o Copom terá outra reunião, podemos fechar o ano com a Selic em 4,5% e a previsão para ano que vem é abaixo de 4%.
Vamos ter taxas de juros igual a países de primeiro mundo.
Estamos vendo nascer um novo país. Pra frente, Brasil!

A Selic é a taxa básica de juros da economia no Brasil, utilizada no mercado interbancário para financiamento de operações com duração diária, lastreadas em títulos públicos federais. A sigla SELIC é a abreviação de Sistema Especial de Liquidação e Custódia.

Essa sigla nada mais é que um sistema computadorizado utilizado pelo governo, a cargo do Banco Central do Brasil, para que haja controle na emissão, compra e venda de títulos.

A Taxa Selic é obtida pelo cálculo da taxa média ponderada dos juros praticados pelas instituições financeiras.

da Redação

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários