“Alguns partidos optaram por defender os corruptos”, desvenda deputado (veja o vídeo)

O pacote anticrime do Ministro Moro, tão importante para combater a violência que assola o Brasil, ainda não foi aprovado. E Sóstenes Cavalcante (DEM-RJ) não poupou os colegas que estão atrasando o processo de propósito, preocupados com seus próprios problemas judiciais.

“É triste ver a nossa democracia e alguns partidos quererem proteger aqueles que vivem à margem da lei, os corruptos. Aqueles que praticam crimes de colarinho branco deveriam ser combatidos por todos os partidos dessa casa”, ressaltou o parlamentar.

O fim dos partidos comunistas no Brasil

Quando questionado sobre se os partidos comunistas deveriam ser extintos no Brasil, o deputado afirmou que faz oposição ferrenha aos partidos de esquerda e comunistas, mas disse que é preciso aprender a conviver com as diferenças.

“Por onde passou o comunismo, trouxe mazelas e consequências sociais enormes, assim como a extrema direita em alguns lugares. Precisamos de equilíbrio”, destacou o deputado.

O comunismo matou milhões de pessoas ao redor do mundo. Só na Ucrânia, foram 12 milhões de seres humanos que morreram de fome no que ficou conhecido como Holomodor, um verdadeiro genocídio cometido pelo governo soviético.

O comunismo matou mais do que o nazismo. Felizmente, hoje o nazismo é proibido em todo o mundo, porém, partidos comunistas continuam atuando livremente.

Você, leitor do Jornal da Cidade Online, apoiaria um projeto de lei extinguindo os partidos comunistas no Brasil?

Veja o vídeo com a entrevista:

da Redação

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários