O "inatingível" Maia trama sordidamente contra o General Augusto Heleno

Caminha celeremente na Câmara dos Deputados uma articulação com o objetivo de “enquadrar” o general Augusto Heleno. Pelo menos, é assim que os deputados envolvidos estão tratando o caso.

O objetivo é convocar o ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI) para prestar esclarecimentos.

Esse ‘complô’ dos parlamentares foi motivado pelas declarações do general, quando saiu em defesa do deputado Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) ao se referir à possibilidade de conter uma possível “radicalização” da esquerda no País com algo como “um novo AI-5”.

Todo o esquema, segundo reportagem do Estadão, tem o aval de Rodrigo Maia.

O presidente da Câmara, inclusive, já fez um ataque direto ao general: “Infelizmente, o general Heleno virou um auxiliar do radicalismo do Olavo. É uma pena que um general da qualidade dele tenha caminhado nessa linha”, disse.

Botafogo tem a crença absoluta de que é poderoso o suficiente para falar e fazer o que bem entende.

Pode se dar mal...

da Redação

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários