Huck, o espertalhão, compra jatinho barato e vende mansão pelo dobro do preço

Diante de tudo que já foi divulgado, desnecessário maiores considerações sobre a compra de um jatinho pelo apresentador Luciano Huck, com financiamento realizado pelo BNDES.

Entretanto, aproveitando que Huck assanha adentrar no meio político, vale relembrar o episódio da venda de sua mansão em Angra dos Reis, no ano de 2013.

O apresentador e dublê de ‘politiqueiro’ vendeu o imóvel pela bagatela de R$ 26,5 milhões. Valor absurdamente superfaturado.

Segundo especialistas do mercado imobiliário, o valor da mansão é estimado em R$ 10 milhões, podendo chegar, com muita boa vontade, a R$ 15 milhões.

Fica a pergunta:

Quem pagou a Luciano HucK praticamente o dobro do preço da avaliação do imóvel?

A resposta parece ser elucidativa no sentido de que alguma falcatrua esteja por trás da sinistra negociação imobiliária.

Os compradores foram os irmãos Joesley e Wesley Batista.

A mansão, que agora pertence aos Batista, rendeu duas ações judiciais contra Huck por supostamente causar problemas ambientais.

Noutras palavras: Huck parece ser contumaz em condutas ao arrepio da lei.

A exemplo de sua empregadora.

Fonte: Portal R7

da Redação

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários