Deputado denuncia trama maligna envolvendo PT, terroristas e a Revista Carta Capital (Veja o vídeo)

“Não se enganem! A esquerda mata! Mata por um objetivo, por um ideal.”

Em entrevista exclusiva à TV Jornal da Cidade Online, o deputado Otoni de Paula (PSC-RJ) falou a respeito da live que fez, na qual revela um plano da esquerda para incitar a violência e promover o caos no Brasil.

“Há uma revista, que é do PT, que é da esquerda, que durante muito tempo mamou nas tetas do governo, que é a Carta Capital. Sem ser a edição dessa semana, que é contra o presidente Bolsonaro, na edição anterior, aparece um black bloc, com uma bomba na mão, mascarado. Eu não sei se o povo brasileiro sabe, os black blocs são soldados da esquerda, e estão a serviço da esquerda em todo o mundo, não só no Brasil. Eles são financiados para fazer quebradeira e balbúrdia. E a manchete diz mais ou menos assim: ‘Toda América Latina está revoltada, o povo está na rua, cadê o Brasil? Falta só o Brasil’. Ora, com black bloc, ali na capa, o que eles querem dizer com isso? Isso que denunciei na minha live. Eles querem causar instabilidade no Brasil”, alertou o deputado.

É triste imaginar crianças, ou o cidadão que não acompanha política, vendo essas capas de incitação à violência e ao ódio nas bancas de jornal, e acreditando no que elas dizem.

Essas revistas nasceram para ser a mídia oficial do partido e do antigo governo, assim como o jornal Granma, em Cuba.

O objetivo deles é alterar a percepção do povo, sobre o que é real, das narrativas ideológicas plantadas pela extrema esquerda autoritária e seus cúmplices.

Qual o sonho da extrema esquerda no Brasil? Que todos sigam a mesma linha ideológica.

Por que eles querem tanto regular a mídia? Para calar o povo livre e a mídia independente! E, com isso, fazer do jornalismo nacional uma grande Carta Capital.

E por falar em regulamentação, a deputada Gleisi Hoffmann chegou a pedir doação para a Carta Capital e reclamou que o ex-presidente Temer “não faz política de mídia democrática e republicana”.

Desde quando dar dinheiro público para panfletos partidários travestidos de imprensa é apoiar mídia democrática? R$ 8 milhões da Odebrechet não foram suficientes?

Veja aqui: https://www.gazetadopovo.com.br/vozes/politicamente-incorreto/gleisi-pede-doacao-carta-capital-e-rec...

Não é à toa que eles reclamam tanto da polarização. Polarização essa que não existe, o que existem são brasileiros patriotas lutando contra uma organização criminosa e seus zumbis.

Debaixo do braço, a Constituição Federal, e na outra mão, o Manual do Guerrilheiro Urbano. Que tipo de esquerda é essa, que prega “paz e amor” com coquetel molotov e terrorismo?

O deputado lembrou também da fixação da esquerda pela figura de Carlos Marighella.

“Chamam esse bandido de herói, um dos maiores terroristas que esse país já teve, que ensinava no seu livro como fazer bombas para matar policiais”, destaca Otoni de Paula.

Veja o vídeo:

Basta uma pequena busca na internet para constatar as relações do PT com a revista Carta Capital:

https://www.oantagonista.com/brasil/carta-capital-recebeu-mais-de-8-milhoes-de-reais-da-odebrecht/

https://veja.abril.com.br/politica/a-pedido-de-lula-odebrecht-deu-r-3-milhoes-a-carta-capital/

http://www.ilisp.org/noticias/odebrecht-financiou-carta-capital-com-dinheiro-de-caixa-2-pedido-do-pt/

da Redação

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários