Maria “pecadora” do Rosário, a parvajola do parlamento brasileiro, barrada e desmoralizada (veja o vídeo)

No primeiro dia da reunião dos BRICS em Brasília, um grupo de apoiadores de Juan Guaidó ocupou a embaixada da VENEZUELA.

Maria do Rosário tentou entrar na embaixada, mas foi barrada por policiais militares. Bem feito! Deveria estar no Parlamento exercendo as suas atividades e não participando de movimentos em defesa do comunista desavergonhado Nicolás Maduro.

Veja o vídeo:

Para defender bandidos e corruptos a sua expertise é muito prodigiosa.

Que ridícula! Trata-se de uma parlamentar vira-lata! Só sabe ladrar e ladrar, mas ainda não mordeu ninguém até agora.

Mal acostumada, tem por hábito chamar os seus opositores de fascistas, mas desconfio que ela não conhece o verdadeiro significado da palavra.

Deveria se envergonhar do papel de parvajola que desempenha no Parlamento, custeado pelos contribuintes.

Deputada mequetrefe, escória da corja do maior corrupto da história política brasileira, condenado por corrupção e lavagem de dinheiro e que ainda vai sofrer mais condenações.

Respeite o Brasil! Por que a parlamentar e a sua súcia de comunistas não vão morar na Venezuela e em Cuba?

Não vão porque são todos poltrões e adoram viver numa democracia capitalista.

Mas a maioria do povo brasileiro está alerta e impedirá que o país seja novamente dominado pela gangue que quase levou o Brasil à bancarrota.

Essa corja de parlamentares mequetrefes do PT, PCdoB e PSOL está precisando levar uma boa lição, que ponha a casa em ordem e mande todos os energúmenos tirar um longo período de férias no desterro de qualquer reduto comunista do exterior.

Brasil acima de tudo e Deus acima de todos!

Júlio César Cardoso

Bacharel em Direito e servidor (federal) aposentado. 

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários