Novo pedido de impeachment de Dias Toffoli surge, agora solicitado por advogados na OAB

O presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Dias Toffoli, foi denunciado por sua “conduta arbitrária e possivelmente criminosa” no caso envolvendo sua solicitação de acesso a relatórios sigilosos do Coaf e da Receita Federal. A denúncia foi realizada pelo Instituto Nacional de Advocacia (Inad), representado pelos advogados Rodrigo Salgado Martins e Pierre Lourenço.

Os advogados apresentaram o ofício à Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e pedem, também, o impeachment do ministro. O documento aguarda a pautação do presidente Felipe Santa Cruz.

O coordenador nacional do Movimento Brasil Livre, Rubens Alberto Gatti Nunes Filho, também manifestou interesse em solicitar pedido de impeachment de Toffoli para esta quarta-feira (20). Na última sexta-feira (15), o coordenador declarou que pretende protocolar no Senado o pedido.

"O ofício atenta contra o ordenamento jurídico, contra a honra e o decoro do cargo, incorre em crime de abuso de autoridade e fere direitos de garantias individuais de mais de 600 mil pessoas físicas e jurídicas, o que é um verdadeiro absurdo" - afirmou Rubens.
da Redação

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários