Brasileiro consegue filmar as ruas de Havana e mostra o degradante atraso de Cuba (veja o vídeo)

Ao passar pelo centro de Havana, o turista brasileiro passa por ruas estreitas, com edificações que parecem ruínas.

No seu comentário, o turista diz que não está numa favela e sim, no centro da capital cubana.

Passa pelo que seria uma cafeteria, que mais parece uma tenda improvisada de um comércio informal.

Todas as pessoas que transitam na rua são magras e estão mal vestidas.

As ruas, em péssimo estado de conservação.

E os táxis de Havana? Parecem o ‘tuc tuc’ da Índia, em que uma moto transporta duas pessoas como se fosse uma carroça.

No vídeo, o brasileiro fala sobre as consequências do socialismo, que nivela todo o povo na pobreza.

Os brasileiros defensores do socialismo deveriam deixar de lado seus iPhones e passar uma temporada em Cuba, para conhecerem as consequências desse sistema nefasto.

Filmar Havana é uma proeza, porque a polícia controla o que pode ser filmado.

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários