Presidente de movimento de docentes que pretende “desesquerdizar” as universidades é recebido por Bolsonaro (veja o vídeo)

O professor Marcelo Hermes, presidente do movimento “Docentes Pela Liberdade” (DPL), um grupo apartidário, formado por professores de todas as áreas com o objetivo de romper a hegemonia esquerdista, combater a perseguição ideológica e recuperar a educação no Brasil, foi recebido nesta segunda-feira (25) pelo presidente Jair Bolsonaro.

Na reunião, uma série de documentos foram entregues ao presidente da República demonstrando os números do descalabro a que chegaram as nossas universidades, depois de 15 anos de aparelhamento pela esquerda.

Uma série de gráficos com dados cientométricos de produção cientifica e educação superior também chegaram ao conhecimento do chefe da nação.

A situação é aterrorizante.

A luta é árdua!

Abaixo, alguns gráficos entregues a Bolsonaro:

No vídeo, uma entrevista concedida recentemente pelo professor Marcelo Hermes à TV Jornal da Cidade Online, onde ele denuncia que extremistas de esquerda perseguem e até tentam matar professores:

da Redação

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários