Em crise com saída de Bolsonaro, PSL perde cerca de 5 mil filiados

O Partido Social Liberal (PSL), teve a maior queda de filiados desde 2017, segundo o TSE. Isso se deve a crise pela qual está passando o partido após o rompimento com nomes importantes do governo brasileiro, como o presidente Jair Bolsonaro.

Conforme os dados, o PSL perdeu cerca de 5 mil filiados de setembro para outubro, ou seja, em apenas um mês.

A tendência é o mais absoluto esfacelamento da sigla.

Voltará a ser 'nanico'.

da Redação

Comentários