Governador e ex-governador socialistas são alvos da PF na Paraíba com 17 mandados de prisão

Por desvios nas áreas da saúde e da educação, o governador da Paraíba, João Azevêdo (sem partido), e o ex-governador Ricardo Coutinho (PSB), se tornaram alvos, na manhã desta terça-feira (17), de operação da Polícia Federal de combate a organização criminosa suspeita de desvio na ordem de R$134,2 milhões.

Trata-se da Operação Calvário.

Contra Coutinho e mais 16 foram expedidos mandados de prisão.

Veja a lista completa:

Ricardo Vieira Coutinho (ex-governador - PSB)
Estelizabel Bezerra de Souza (deputada estadual - PSB)
Márcia de Figueiredo Lucena Lira (prefeita do Conde - PSB)
Waldson Dias de Souza (ex-secretário de Saúde e de Planejamento, Orçamento e Gestão)
Gilberto Carneiro da Gama (ex-procurador geral do Estado)
Cláudia Luciana de Sousa Mascena Veras (ex-secretária de Saúde e secretária executiva de Articulação Municipal)
Coriolano Coutinho (irmão de Ricardo Coutinho)
Bruno Miguel Teixeira de Avelar Pereira Caldas
José Arthur Viana Teixeira
Breno Dornelles Pahim Neto
Francisco das Chagas Ferreira
Denise Krummenauer Pahim
David Clemente Monteiro Correia
Márcio Nogueira Vignoli
Valdemar Ábila
Vladimir dos Santos Neiva
Hilario Ananias Queiroz Nogueira

Socialistas, comunistas e petistas, quando no poder, são insaciáveis.

Fonte: G1

da Redação

Comentários