Huck se movimenta para antagonizar Bolsonaro e vai a Davos em janeiro

O apresentador Global, Luciano Huck, vem se movimentando para fortalecer sua imagem internacionalmente e antagonizar com Jair Bolsonaro no pleito de 2022. Huck é cotado como nome forte para duelar com o presidente e a aposta mais provável do centrão, que se viu pela primeira vez fora dos quadros governamentais desde a derrocada do PT que, para garantir as eleições, fazia qualquer negócio e permitia que políticos do grupo tivessem pepéis de peso no cenario nacional.

Huck deve participar do Fórum Econômico Mundial que ocorre em Davos, na Suíça, no final de janeiro. Segundo informações, o apresentador foi convidado para debater os temas da desigualdade e da corrupção na América Latina, porém, longe das lentes e dos microfones da imprensa. Assim, parece a oportunidade perfeita para conhecer apoiadores e fortalecer relações com interessados por baixo dos panos.

O Global já participu do Fórum na edição de 2019 e chegou a publicar uma foto com o ministro Sérgio Moro. Entretanto, Huck não deve se econtrar com Bolsonaro no evento.

da Redação

Comentários