PT não vai precisar esperar 2022 para constatar o engodo eleitoral que Lula representa atualmente

O presidente Jair Bolsonaro disse recentemente que acredita que Lula acabou, e que, enquanto ele é ovacionado em todos os lugares onde vai, o ex-presidente continua preso numa redoma montada pelo petismo.

De fato, o ex-detento não se aventura a ir a lugares públicos de “cara limpa”, sabe certamente que será maltratado pela espontaneidade do cidadão comum, como aconteceu há poucos dias em Paraty, no Rio de Janeiro.

A inteligência popular tem plena consciência de que Lula é ladrão.

De todo modo, o PT e os petistas, torcendo contra o Brasil e trabalhando incansavelmente contra o atual governo, ainda acreditam que um eventual fracasso de Bolsonaro possa revitalizar a popularidade de seu decadente líder, e sonham com um retorno ao poder na próxima eleição presidencial.

Não precisarão aguardar 2022.

As eleições municipais de 2020 irão tratar de devastar o que ainda resta do PT.

A derrota eleitoral será avassaladora.

O pós-eleições será traumático, com o esvaziamento do partido e a depressão do meliante petista.

Quem viver verá!

Otto Dantas

Articulista

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários