Hang poderá usar vídeo de Gleisi para justificar o uso de expressão “difamatória” em faixa contra Lula (veja o vídeo)

Nos últimos dias, aviões sobrevoaram as praias de Santa Catarina carregando faixas com dizeres contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Uma das faixas dizia o seguinte:

Lula ladrão seu lugar é na prisão

Uma outra, que circulou neste final de semana, trazia a mensagem:

Lula cachaceiro, devolve o meu dinheiro

Banhistas aplaudiram extasiados a iniciativa.

O PT ingressou com ação judicial contra Luciano Hang, visando proibir novos atos semelhantes e cobrar eventuais danos morais por calúnia e difamação.

Caso o empresário assuma ter realmente sido ele o responsável pela circulação das faixas contra Lula da Silva, a expressão “cachaceiro” utilizada em uma das faixas, já tem uma boa justificativa.

Um vídeo protagonizado por Gleisi Hoffmann elucida a questão.

Veja o vídeo:

Quanto a supostas ‘calúnias’ desferidas contra Lula, cabe o que em direito se chama de ‘exceção da verdade’.

Para se livrar dos processos, Luciano terá que provar que Lula é ladrão.

Isso parece ser muito fácil.

Duas sentenças judiciais condenatórias em primeira e segunda instância, referendadas pelas cortes superiores e inúmeros processos em andamento, derrubam a tese da prática de calúnia.

da Redação

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários