Um infeliz ano novo para os marginais, um feliz ano novo para o BRASIL (veja o vídeo)

Até hoje a extrema esquerda e seus aliados de corrupção não acreditam que Jair Bolsonaro foi eleito presidente do Brasil, livrando o país de Haddad/Lula e sua turma bolivariana, o que certamente continuaria nos arrastando acorrentados para o caos econômico, social, ético e moral.

Um ano se passou, no entanto as viúvas do lulopetismo e seus novos miquinhos amestrados do apocalipse teimam em negar o óbvio: o novo governo e sua equipe ministerial, mesmo travando guerra contra uma máquina aparelhada e podre, estão fazendo um ótimo trabalho, o que é comprovado por dados irrefutáveis.

Vejamos...

Queda histórica da taxa de juros; menor risco Brasil em dez anos; queda em todos os índices de violência; obras fundamentais de infraestrutura saindo do papel; recorde histórico de apreensão de drogas; acordos comerciais e tecnológicos com o mundo todo (sem viés ideológico); MP da liberdade econômica; reforma da previdência; retomada das vagas de emprego, pacote anticrime...

O Brasil não parou porque este ou aquele youtuber egocêntrico resolveu mudar de lado e idolatrar antigos ratos corporativistas, ou porque grandes veículos de comunicação fazem campanha aberta para empurrar uma celebridade global ou algum governador cínico como futuro presidente. O Brasil está acima de tudo, o cidadão honesto agora tem voz e representatividade, e nesse ritmo de evolução 2020 será um ano muito melhor, para desespero dos sabotadores do povo que lutam apenas por dinheiro e poder.

Veja o vídeo:

da Redação

Comentários