Ciro Gomes defende terrorista morto e critica EUA pelo ataque

O ex-ministro de Lula, e ex-candidato à presidência, Ciro Gomes, divulgou um vídeo em suas redes sociais nesta sexta-feira, 03. Na gravação, Ciro diz que o ataque dos Estados Unidos (EUA) que resultou na morte do terrorista iraniano, Qassem Soleimani, foi um “ato impensado de violência de Estado”.

Ciro ainda classificou o fato como:

“Assassinato de uma autoridade política de uma nação soberana.”

O ex-petista, disse que o Brasil tem que pedir a condenação dos EUA e que o governo americano agiu da forma errada.

“O motivo alegado de ‘prevenir ações futuras’, viola qualquer regra do direito penal internacional. [Se] houvesse responsabilidade criminal a ser apurada, que fosse acionadas as instâncias reguladas para isso”, afirmou Ciro.
da Redação

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários