Até a Argentina tem postura crítica e só petistas apoiam incondicionalmente o golpe de Maduro

O golpe que aconteceu no Congresso da Venezuela, foi repudiado pelo Grupo de Lima e por diversos países. Inclusive a Argentina criticou a postura do ditador, através do chanceler Felipe Solé.

Deputados venezuelanos opositores a Maduro, foram barrados na entrada da votação para a mesa da Assembleia, por militares ordenados pelo próprio ditador.

Entretanto, alguns parlamentares petistas já demonstraram de forma assombrosa sua aversão a democracia - manifestando apoio ao golpe de Maduro.

Através de suas redes sociais comemoraram a autoproclamação do deputado Luiz Eduardo Parra para presidência da Assembleia Nacional da Venezuela.

“#TchauGuaidó Já vai tarde. Aproveita e leva o Bolsonaro com você. Derrotado até como autoproclamado….”, postou a deputada Maria do Rosário.

O deputado petista Paulo Pimenta também se manifestou:

“Acabou a aventura e a brincadeira chamada Juan Guaidó”.

Além de Maria do Rosário e Paulo Pimenta, a deputada Erika Kokay também se manifestou.

URGENTE! Acaba a FARSA Guaidó ! O golpista Juan Guiadó acaba de perder a presidência da Assembléia Nacional da Venezuela. Fim da linha para o fantoche de Trump e Bolsonaro !

Esses petistas são infames. Não toleram a democracia e comemoram de forma fajuta.

Confira as postagens:

da Redação

Comentários