Construção Civil estima criação de 150 mil novos empregos em 2020

O mercado financeiro da construção civil está com perspectivas altamente positivas para 2020. Segundo pesquisas, a tendência é que o mercado cresça em torno de 3% até o final do ano, gerando mais de 150 mil postos novos de trabalho.

Em 2019 o crescimento foi em torno de 2%, ainda não foram lançados os dados do ano passado, porém estima-se que foram criados em torno de 100 mil novos trabalhos formais na área.

A confiança de empresários e investidores do setor voltou devido a melhora na economia do país. 2019 foi um ano de reestruturação do governo e, em consequência, da economia. Já houve uma melhora no ano passado e neste ano o andamento será ainda mais significativo.

“Há expectativa de melhora na economia de modo geral, o que tende a elevar os investimentos. E as expectativas para a construção refletem esse cenário”, afirmou Ana Maria Castelo, coordenadora de Estudos da Construção da Fundação Getulio Vargas (FGV).

Historicamente o estado de São Paulo é o que mais cresce no setor, entretanto as pesquisas mostram que financiamentos imobiliários e investimentos em moradias irão crescer em todo o país.

“Hoje, o juro do financiamento está em um dígito, o problema dos distratos foi resolvido por lei e a confiança do consumidor está melhorando. Essas condições são um gatilho de crescimento do mercado em qualquer lugar do mundo”, afirmou Luís frança, presidente da Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias (Abrainc).

2020 tem tudo para ser um ano dadivoso, para o infernal tormento da esquerdalha.

da Redação

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários