A Bolívia se liberta: Busto de Evo é totalmente destruído (veja o vídeo)

O último resquício da passagem nefasta de Evo Morales pelo comando da Bolívia foi completamente destruído.

O busto com a sua imagem não existe mais. Está despedaçado.

Agora só falta prender o meliante boliviano.

E o seu exílio na Argentina corre risco.

O presidente Alberto Fernandes, caso tenha um pouco de juízo, deveria determinar a sua extradição.

Nesta quarta-feira (15), os Estados Unidos já mandou um duro recado para a Argentina, que, inclusive, acabou favorecendo o Brasil.

O governo americano doravante passa a apoiar o Brasil como prioridade na fila de países que querem entrar na OCDE (Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico). Assim, retira o apoio que antes era da Argentina.

A mudança de posição, segundo se cogita, deve-se ao asilo dado a Evo e ao apoio a Maduro.

Segundo o respeitado cientista político argentino Patricio Giusto, caso o atual presidente Alberto Fernandes não recue, “O próximo passo pode ser a perda do apoio dos Estados Unidos para negociar a dívida com o Fundo Monetário Internacional.”

É prenúncio de tragédia e "venezuelização".

Assim, Evo pode ser a bola da vez com o objetivo de "acalmar" Trump.

Veja o vídeo:

da Redação

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários