Hang critica PL que trata da Licença Menstruação: “Leis como essa atrasam o desenvolvimento”

O empresário, Luciano Hang (Havan), publicou esta semana em suas redes sociais sua opinião sobre o Projeto de Lei (PL) 6784/16, que trata da “Licença Menstruação”.

“Quanto mais direitos trabalhistas, menos empregos os brasileiros vão ter. Olhem só o Projeto de Lei populista ‘Licença-Menstruação’ [...] Os empregos no Brasil estão voltando a crescer e a economia a prosperar, leis como essas atrasam o desenvolvimento”, escreveu Hang.

O PL é de autoria do deputado Carlos Bezerra (PMDB-MT), e o intuito do projeto é de que toda a mulher tenha direito a três dias de folga todo o mês, durante o ciclo menstrual. As folgas seriam compensadas.

"A empregada poderá se afastar do trabalho por até (três) dias ao mês, durante o período menstrual, podendo ser exigida a compensação das horas não trabalhadas", diz o texto do PL.

Luciano Hang afirmou que na Havan - sua rede de lojas - 85% dos colaboradores são mulheres. No total, são em torno 18.500 mulheres.

“Imagine o impacto gigantesco que teria na produtividade se todas elas faltassem todos os meses?”, concluiu o empresário.

Entretanto, o projeto encontra-se ‘arquivado’ na Câmara dos Deputados e a princípio não a nenhuma manifestação sobre a possibilidade de recorrer do arquivamento.

De qualquer forma, é bom que a população do Mato Grosso fique de olho nesse deputado, o tal de Carlos Bezerra.

Confira:

da Redação

Comentários