Surge enfim alguém com coragem para desobedecer a ordens ilegais do STF

O jornalista Allan dos Santos do site Terça Livre foi intimado a depor no Inquérito Absurdo que corre no STF.

Para piorar o STF declarou o inquérito sigiloso e não dá acesso aos autos nem aos seus advogados, o que é completamente ilegal.

Allan deveria ter ido depor ontem e, em uma atitude de extrema coragem, não compareceu...

Pelo que ele informou parece que o STF remarcou o depoimento.

Mas sem acesso aos autos não há como depor.

Allan corre o risco de ser preso ao fazer isso... ele, que é jornalista, seria o primeiro jornalista a ser preso pelo exercício de sua profissão, mostrando claramente que a perseguição a jornalistas não parte do governo... muito pelo contrário.

Parte da maior instância da Justiça Brasileira contra apoiadores do governo.

Só isso deveria ser manchete no mundo todo.

Mas tem mais!!

O Congresso fez um malabarismo histórico para aprovar a Lei de Abuso de Autoridade, com o claro objetivo de calar juízes e promotores em crimes de corrupção.

Mas agora, por ironia do destino, ela pode e deve ser aplicada.

Contra o presidente do STF e contra o Ministro Alexandre de Moraes.

Mas daí vem a questão: quem vai aplicar a lei?

Pois é amigos... se vocês ainda não perceberam, estamos em uma espécie de ditadura e o Bolsonaro não tem nada com isso...

(Texto de Flavia Ferronato. Advogada. Coordenadora Nacional do Movimento Advogados do Brasil)

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários