O nível de Glenn se revela pela postura e o palavreado de seu próprio advogado (veja o vídeo)

O americano Glenn Greenwald não é um jornalista. Não faz jornalismo. Não tem ética, não tem decência e não tem caráter. É um gangster travestido de jornalista.

Vive no Brasil ladeado de interesses espúrios e tem dado sorte no sentido de conseguir proteção legal para os seus malfeitos.

Evidentemente, que sendo quem é, Glenn só se cerca de semelhantes, pessoas que comungam de posturas idênticas.

Na terça-feira (28) o jornalista Oswaldo Eustáquio tentou entrevistar Glenn, nos momentos que antecediam uma audiência judicial, onde ambos iriam se confrontar.

Seguranças brutamontes e um advogado impediram a aproximação do jornalista.

Por mais incrível que possa parecer, os seguranças, certamente pessoas contratadas, foram até educados. O truculento foi o advogado que, segundo consta, é militante do PSOL.

Veja o vídeo:

da Redação

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários