Bolsonaro escancara a relação com Witzel e Dória: a traição e a ambição por 2022 (veja o vídeo)

Questionado pela imprensa sobre a relação com os governadores Wilson Witzel e João Dória, do Rio de Janeiro e São Paulo respectivamente, o presidente Jair Bolsonaro não mediu palavras e expôs com clareza o que realmente está ocorrendo.

A ambição desmedida tomou conta da dupla de mandatários estaduais.

Para o presidente, tanto Witzel, quanto João Dória, só tem olhos para 2022.

Esquecem, entretanto, que só conseguirão novos êxitos se cumprirem o papel que lhes foi dado pelas urnas em 2018.

Nesse sentido, Bolsonaro descascou a dupla, mencionando a situação da água no Rio de Janeiro e dando destaque ao caráter de Dória, que usou o “BolsoDória” para vencer o pleito e, já no dia seguinte, renegou e partiu para o ataque.

Veja o vídeo:

da Redação

Comentários