assinante_desktop_cabecalho

Weintraub manda recado importante para os estudantes: “Corre e faz a sua carteirinha digital porque ela vale por um ano” (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

O ministro da Educação Abraham Weintraub, em entrevista ao jornalista Alfredo Bessow, do Canal de Brasília, afirmou que o prazo da Medida Provisória (MP) que estabeleceu provisoriamente a Carteirinha Estudantil Digital (ID Estudantil) vencerá no dia no próximo domingo, 16 de fevereiro. Esse resultado parece inevitável, pois até o momento não foi sequer escalada comissão para levar adiante o assunto na Câmara dos Deputados.

Porém, os estudantes que aderirem a versão, sem custo nem burocracia, do ID Estudantil, terão o benefício assegurado até o final de 2020.

“Não vai dar tempo de aprovar, se não for aprovada ela cai, ela ‘caduca’ em 16 de fevereiro. Quem tirou [...] - mais de 300 mil pessoas - essas têm o direito dela preservado durante o ano todo, porque a carteirinha vai valer o ano todo. Elas estavam debaixo da MP quando elas tiraram [o ID Estudantil]”, disse o ministro.

Weintraub salientou que assim como o presidente, Jair Bolsonaro, ele também é contra os grandes monopólios criados para arrecadar dinheiro do povo sem necessidade, como a União Nacional dos Estudantes (UNE) no caso da carteira de estudante.

O ministro ainda reiterou que irá apresentar um Projeto de Lei (PL) para estabelecer definitivamente o ID Estudantil para “diminuir um pouco os estragos feitos” por estes monopólios. Pode demorar um pouco, segundo Weintraub

“Quem já está cursando [ensino superior] corre e faz a sua carteirinha digital porque ela vale por um ano”, disse o ministro.

Para fazer a carteirinha estudantil digital é muito simples, basta baixar o aplicativo "Id Estudantil" no seu smatphone e fazer a inscrição.

O não avanço da MP foi boicotado na Câmara, em uma aliança espúria entre o Centrão, o PCdoB e a esquerda, sob a coordenação de Rodrigo Maia.

Confira:

da Redação
assinante_desktop_conteudo_rodape
Ler comentários e comentar