assinante_desktop_cabecalho

Com o resultado da perícia, Bolsonaro afirma que Globo "armou" para incriminá-lo no caso Marielle (veja o vídeo)

Ler na área do assinante

Na manhã desta terça-feira, 11, o presidente Jair Messias Bolsonaro, resolveu não conversar com a imprensa. Na última segunda-feira, 10, Bolsonaro afirmou que não iria mais conversar com certos veículos, pois estes “deturpam” as suas falas.

Em sua tradicional conversa com os apoiadores que aguardavam a saída dele, o presidente comentou sobre laudo da Polícia Civil que desmentiu a falácia sobre o depoimento do porteiro de seu condomínio no Rio de Janeiro.

O depoimento em questão, tentou vincular o presidente ao caso do assassinato da vereadora Marielle Franco.

“Viu o que a perícia descobriu, que a voz não é do porteiro. A TV Globo faz uma armação com o pessoal da investigação, divulga o porteiro ligando para mim, que eu não tava, tava em Brasília, e agora descobriram que a voz não é do porteiro. [...] Fake news. Parabéns Globo. Fake news total”, disse Bolsonaro.

O presidente ainda salientou que o jornal O Globo publicou uma matéria sobre o caso em um local “bem pequeninho”, escrito: ‘a voz não é do porteiro’.

Confira:

da Redação
assinante_desktop_conteudo_rodape
Ler comentários e comentar