Moro tira a máscara do Psol, o partido que defende traficantes e milicianos (veja o vídeo)

O ministro Sergio Moro deu uma verdadeira aula na Câmara dos Deputados, defendendo a prisão após julgamento em segunda instância.

É justamente o conhecimento profundo que o ministro tem sobre o tema e, mais do que isso, o medo que os corruptos têm de serem presos, que geram os ataques covardes a Moro, como o realizado pelo deputado Gláuber Braga (Psol-RJ).

Mesmo após ser brutalmente ofendido, o ministro ainda se colocou à disposição para auxiliar no que for necessário para aprovar a proposta de emenda constitucional, o que revela sua grandeza de caráter.

Moro mostrou que entende cada vez mais os meandros da política. Após o ocorrido na Câmara, ele postou no Twitter:

“Não gosto deste jogo político. Mas verdades precisam ser ditas. No projeto de lei anticrime, propusemos que milícias fossem qualificadas expressamente como organizações criminosas. Propusemos várias outras medidas contra crime organizado. O PSol, de Freixo/Glauber, foi contra todas elas”, afirmou o ministro.

Sabemos de que lado Moro está, e quem o Psol e PT defendem.

Veja o vídeo:

da Redação

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários