O Globo reproduz conversa confidencial de General Heleno, que reage indignado

Uma conversa confidencial do General Augusto Heleno com os ministros Paulo Guedes e Luiz Eduardo Ramos, vazou por obra do jornal O Globo.

Uma lamentável invasão de privacidade, que tornou-se prática usual no país.

Vale tudo para tentar desestabilizar o governo.

Na conversa o general fazia uma crítica a alguns parlamentares por suas insaciáveis reivindicações por fatias do orçamento impositivo.

A declaração confidencial vazada foi a seguinte:

“Nós não podemos aceitar esses caras chantagearem a gente o tempo todo. Foda-se”

Imediatamente, o insaciável Rodrigo Maia reclamou da declaração.

Diante disso, o general acaba de expor o seu posicionamento sobre a questão:

“Em mais um lamentável episódio de invasão de privacidade, hábito louvado no Brasil, vazou para a imprensa uma conversa que tive com o Dr. Paulo Guedes e o Gen. Ramos.
Ressalto que a opinião é de minha inteira responsabilidade e não é fruto de qualquer conversa anterior, seja com o Sr. Presidente da República, com o Min. Paulo Guedes, com o Min. Ramos, ou com qualquer outro ministro.
Externei minha visão sobre as insaciáveis reivindicações de alguns parlamentares por fatias do orçamento impositivo, o que reduz, substancialmente, o orçamento do Poder Executivo e de seus respectivos ministérios.
Isso, a meu ver, prejudica a atuação do Executivo e contraria os preceitos de um regime presidencialista. Se desejam o parlamentarismo, mudem a constituição. Sendo assim, não falarei mais sobre o assunto.”

O general está coberto de razão.

da Redação

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários