O Brasil é um país que desafia a lógica e onde vigora a inimputabilidade por ideologia

Um Senador da República avança com uma máquina pesada sobre uma multidão. Só isso já é inexplicável. Tentativa de homicídio clara, filmada, testemunhada por uma centena de populares. O que já é motivo mais do que suficiente para a prisão em flagrante delito do legislador alucinado. Obviamente, homicídios não são necessários para o desempenho parlamentar e, portanto, não enquadram no “Foro por Prerrogativa de Função”.

Mas, aqui, nas Índias de Cabral, tudo que é ruim pode piorar. O caso ainda vai além.

Entra, então, a militância e começa a criticar a greve da PM. Justo eles que defendem a desmilitarização da polícia e, portanto, o direito a greve.

Criticam também a reação violenta dos policiais, que neste caso foi mais do que justificada, visto que o senador apresentava perigo iminente. Justo eles, que defendem o desarmamento civil e, portanto, que só o Estado tenha capacidade de reação armada.

Podia parar por aqui. Mas estamos na Ilha de Vera Cruz. O caso ainda vai além.

Diante do exposto, a mídia tem a capacidade de tentar culpar o presidente.

No Ceará, um estado governado pelo PT, um cangaceiro de paletó, membro de uma oligarquia política local, tenta rechaçar uma greve da polícia estadual com violência extrema e é "vitimado" pela reação absolutamente justificada daqueles que colocou em risco.

A imprensa pútrida, todavia, tem a capacidade de dizer que o presidente é responsável, por incentivar a violência policial.

Eu nem imagino o pesadelo que seria tentar explicar para um gringo o que acontece nesse país.

A mesma imprensa que estava extremamente ofendida porque o Bolsonaro lhes deu uma “banana”, que repudiou Paulo Guedes por chamar os parasitas de parasitas, agora sai em defesa de Cid Gomes, completamente desequilibrado, que tentou atropelar servidores públicos com uma retroescavadeira.

Definitivamente, o absurdo perdeu a modéstia. A esquerda, nesse país, pode absolutamente TUDO. É o único caso, no mundo, de inimputabilidade por ideologia.

"O homem que não sabe controlar a si mesmo torna-se absurdo quando quer controlar os outros." (PROVÉRBIO JUDAICO)

Felipe Fiamenghi

O Brasil não é para amadores.

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários