assinante_desktop_cabecalho
assinante_desktop_menu_principal

Manifestação do dia 15 ganha Regina Duarte como reforço de peso: “O Brasil é nosso, não dos políticos de sempre”

Ler na área do assinante

Setores representativos da sociedade brasileira estão organizando um evento de manifestação nacional de apoio ao atual governo para o dia 15 de março.

A iniciativa começou a se formar após o ministro do Gabinete Segurança Institucional (GSI), general Augusto Heleno, reclamar da chantagem exercida por parlamentares sobre o Planalto liberar, no sentido de abocanhar mais verbas do orçamento.

“Nós não podemos aceitar esses caras chantagearem a gente o tempo todo. Foda-se”, salientou Heleno.

O protesto conta com o apoio de diversos líderes políticos influentes com os deputados Filipe Barros, Marco Feliciano, Carla Zambeli, entre outros.

“Em Londrina, assim como em todo Brasil, teremos manifestação dia 15 de março. Pauta única: - apoio ao Presidente Jair Bolsonaro”, escreveu em suas redes sociais, Filipe Barros.

Confira:

Já o pastor e deputado, Marco Feliciano, desmentiu opositores que estavam tentando barrar a manifestação do próximo dia 15. O pastor citou a Constituição em uma publicação em suas redes sociais.

“Para quem diz que manifestação do dia 15 é fascista, leiam a Constituição: Art. 1 ‘Todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de representantes eleitos ou diretamente. Art 5 XVI - todos podem reunir-se pacificamente em locais abertos ao público, independentemente de autorização’”, salientou Feliciano.

Confira:

Carla Zambelli foi direta:

“15/03/2015: Eu fui! 15/03/2020: Eu vou!”, exclamou a deputada.

Confira:

A manifestação ganhou um grande apoio nesta quarta-feira, 26, a nova Secretária da Cultura Regina Duarte, abraçou a causa e também através de suas redes sociais replicou uma imagem com a mensagem que Jair Bolsonaro mandou a um grupo de amigos no Whattsapp, com os seguintes dizeres:

“15 de março.
General Heleno/Cap Bolsonaro.
O Brasil é nosso,
não dos políticos de sempre.”

A manifestação está a cada dia ganhando mais força e a esquerda está estremecida com a força do atual governo e a popularidade do presidente.

Confira:

da Redação
assinante_desktop_conteudo_rodape

Comentários