"O fim do diálogo cabuloso": Moro anuncia leilão de 612 imóveis confiscados do tráfico de drogas (veja o vídeo)

O ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, anunciou nesta sexta-feira, 28, através de suas redes sociais, que o Governo Federal fará leilões de 612 imóveis apreendidos do tráfico de drogas.

Dentre os imóveis tem apartamentos, sítios, terrenos, prédio, lotes, chácaras, fazendas, galpões e outros itens em todas as regiões do país, apreendidos em processos contra traficantes.

“612 imóveis confiscados do tráfico de drogas irão em breve para leilão pelo Governo Federal”, escreveu Moro.

O site oficial do Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), lançou através da Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas (Senad) um painel georreferenciado com a localização exata e as informações detalhadas dos 612 imóveis, para venda imediata pela Secretaria de Coordenação e Governança do Patrimônio da União (SCGPU).

Com os esforços em curso pela Senad, em parceria com SCGPU, espera-se obter uma redução ainda maior de crimes em todo o país.

Os leilões de bens do tráfico representam o fim dos “diálogos cabulosos” com bandidos, prática que era efetivada nos governo do PT.

Interceptações telefônicas captadas em 2019, mostraram líderes da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) preocupados com o atual governo, porque - segundo os próprios bandidos - o PT tinha "dialogo cabuloso" com as facções criminosas.

Confira o vídeo da interceptação telefônica:

Confira a publicação de Moro:

da Redação

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários