“É o rabo abanando o cachorro”: O medíocre Maia diz que plano de Guedes contra efeitos do coronavírus é “medíocre”:

Rodrigo Maia reuniu-se com Paulo Guedes e depois da reunião disse à Folha de S.Paulo que o plano do Ministro da Economia para minorar os efeitos negativos da crise provocada pela histeria do Coronavírus é “medíocre”, falando outras coisas mais, que nem merecem ser replicadas aqui.

Sinceramente, é insuportável essa mania de a esquerda nos acusar do que ela mesma é: Rodrigo Maia, o economista-que-largou-a-faculdade-de-economia, o executivo-que-tem-carreira-no-setor-privado-mas-que-nunca-trabalhou, aquele que se diz profundo conhecedor do Brasil sem nunca ter saído dos gabinetes de Brasília, chama Paulo Guedes de medíocre...

Todos sabem que o currículo de Paulo Guedes dispensa apresentações. Mas agora ele pode acrescentar uma qualidade, lá nas suas atividades: “especialista em auto-controle, ao conseguir manter a integridade e a humildade para lidar com pessoas intelectualmente mais limitadas, mesmo quando por elas provocado.”

A democracia brasileira não está errada. Ela é errada: possibilita que um sujeito como Rodrigo Maia tenha uma posição de destaque nos rumos do país.

Infelizmente, se institucionalmente todos temos que engolir o Presidente da Câmara, por outro lado é nosso dever de cidadãos expor a sua plena incapacidade para o cargo que ocupa, dizendo em alto e bom som:

- MEDÍOCRE É VOCÊ, RODRIGUINHO!

O jornalismo em que você confia depende de você. Colabore com a independência do Jornal da Cidade Online doando qualquer valor. Acesse: apoia.se/jornaldacidadeonline

Comentários