Brasil já está fornecendo a Cloroquina, que mostrou resultados promissores contra casos graves do Covid-19

O Brasil já validou e está fornecendo a Cloroquina, um medicamento que mostrou resultados eficazes, para pacientes em estado grave, contra o Covid-19.

Para evitar o uso indiscriminado e o desabastecimento, o remédio só está sendo vendido mediante receita médica.

O anúncio foi feito pelo próprio ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta:

“Temos capacidade de produção, já estamos produzindo e está na prateleira dos pacientes graves”.

O medicamento é registrado no Brasil para tratamento de artrite, lúpus e malária.

Em nota, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) informou que, apesar dos resultados positivos dos testes em relação a nova doença, "não existem estudos conclusivos que comprovam o uso desses medicamentos para o tratamento".

De qualquer forma, é uma esperança que está se firmando, em função da cura alcançada nos testes até aqui realizados.

da Redação

Comentários